O Aluno Autónomo

Estrella Luna Muñoz (México, 31 anos),investigadora, formadora e coordenadora de projetos de média, artes, educação, diálogo intercultural e integração social comunitária. No âmbito do ProHUB – Centro de Investigação & Inovação para o Ensino Profissional da Escola Técnica Profissional da Moita, Estrella investiga, hoje, as nossas aprendizagens e o modo como fazemos aprender aqui, na ETPM. O seu projeto “O aluno autónomo no planeamento e avaliação das suas aprendizagens no ensino profissional e as práticas pedagógicas usadas no ensino profissional” teve início em março e seguirá até novembro deste ano e já promoveu várias sessões e conversas com alunos, professores, tutores de turma e diretores de curso. A Investigadora tem projetos desenvolvidos no México, Portugal, Cabo Verde, Espanha, Honduras e Nicarágua e a sua principal pretensão é inspirar, capacitar e apoiar os jovens a liderar o caminho em direção a uma sociedade mais inclusiva, justa, resiliente e regenerativa. Com Licenciatura em Artes Visuais e Diploma de Inovação Educacional (UNAM) no México, Mestrado em Produção Artística (UPV) em Valência Espanha, e doutoramento em Educação com as TIC na Universidade de Lisboa em Portugal a tese desenvolvida esteve focada na literacia mediática e informacional para o empoderamento e integração social dos jovens.Tem trabalhado como professora em diversas instituições de ensino online e presencial como a Arab Academy, no Egito e tem sido convidada a participar como oradora em várias conferências e congressos, incluindo algumas organizadas pela UNESCO.

A investigação surge a partir da necessidade de orientar e construir, junto com o aluno, o desenvolvimento de planeamento e autoavaliação para um trabalho autónomo.  Para isso,Estrella analisa a utilização da metodologia, das práticas pedagógicas e dos instrumentos de (auto) regulação das aprendizagens utilizadas na ETPM, investiga a forma de articulação entre o Referencial de Inovação Pedagógica, o perfil do aluno ETPM e as tutorias de turma e a aprendizagem autónoma. 

A Escola Técnica Profissional da Moita apoia e colabora com esta investigação cujos resultados vão servir para melhorar e/ou atualizar o nosso modelo, a forma como fazermos aprender, garantindo sempre o bem estar do aluno e da equipa. 

Obrigada, Estrella Luna Muñoz!

Formação ETPM|ProHub

Aposte na carreira e na formação. O ProHub está a promover a Formação de Técnicos para o Group R&C, na área de Rotomoldagem / Polímeros. Envie um email para gip@colegiocortereal.pt e candidate-se a esta formação.

Nos próximos dias 2 e 4 de dezembro, entre as 10h00 e as 15h30, vão realizar-se as entrevistas para a formação que, no máximo, integra um grupo de 20 pessoas. Não deixe passar esta oportunidade.

Algumas das atividades desenvolvidas nesta formação são: manuseamento de diversas ferramentas – corte, aparafusadoras, etc; pesagem de matérias primas; operador de máquina de rotomoldagem, entre outras.

Para mais informações, clique AQUI

ProHUB – Investigar e Inovar no Ensino Profissional

Um centro de investigação desenvolvido pela Escola Técnica Profissional da Moita para inovar o ensino profissional.

Nesta escola, o processo de ensino e aprendizagem desenvolve-se em vários momentos e oportunidades na vida de cada jovem, com base na definição de projetos e desafios. Aqui, a inovação e a investigação vivem lado a lado, todos os dias, através do centro vivo, exclusivamente dedicado ao Ensino Profissional.

A equipa pedagógica multidisciplinar da ETPM, as diversas entidades parceiras dos mais variados setores profissionais e do ensino superior e o próprio modelo pedagógico desta escola, naturalmente, criaram as condições para uma plataforma de investigação-ação específica para o ensino profissional.

Situado no nosso campus escolar – ProHUB – é uma contribuição para a criação de um novo desenho do ensino profissional.

Este centro de Investigação e Inovação pretende criar uma rede de colaboração multidisciplinar entre professores, formadores, investigadores e empresas, de forma a codificar processos de transformação e melhoria do ensino profissional em Portugal, estabelecendo inclusivamente pontes de cooperação internacionais. 

Como desenvolver o ensino profissional articulando de forma efetiva e intencional as competências socioemocionais e técnicas/tecnológicas, fundamentais não apenas para o exercício de uma profissão, mas para uma cidadania ativa e global? Como estabelecer processos de construção de projetos de carreira para cada jovem que frequenta o ensino profissional? Como desenvolver o ensino profissional para todo e qualquer jovem, não olhando apenas para as suas limitações, mas sobretudo para as suas potencialidades? Como?

Estas são algumas das problemáticas ou desafios que já estão a ser explorados no âmbito do ProHUB e que poderão dar contributos decisivos para a melhoria do ensino profissional no nosso País.

De forma concreta, neste momento, o ProHUB coordena um projeto piloto nacional, no âmbito da Educação Inclusiva nas modalidades de dupla certificação, a desenvolver formação para várias Escolas Profissionais em Portugal através da Associação Nacional de Escolas Profissionais (ANESPO) e na iniciativa Orienta-te, que visa incentivar e apoiar, os jovens e as suas famílias no processo de tomada de decisão na transição do Ensino Básico para o Ensino Secundário.